Quem Somos
  Nossa Opinião
  Cursos e Visitas
  Turismo Educacional
  Turismo Religioso
  Jornal Assiraj
  Loja Virtual
  Sermões de Sexta-Feira
 Baixe Revistas Grátis
  O Islã em Arquivos
  Livros Virtuais
  Baixe Livros Grátis
  Trabalhos Acadêmicos
 
  Islamismo
  Leia o Alcorão Sagrado
  Princípios Religiosos
  Práticas Religiosas
  Perguntas e Respostas
  Calendário Islâmico
  Aulas de Religião
  Horários das Orações
 
 
A PALESTINA NÃO É AQUI, NEM FICA EM ISRAEL
por: Salem Nasser
QUANDO SURGIU O TERRORISMO
por: José Farhat
 
  Jurisprudência
  A profecia e os profetas
  O Profeta Muhammad
  Os Imames
  Dia da Ressurreição
  Assuntos Sociais
  A Economia no Islã
  Espaço da Mulher
  Sites Recomendados
  Jesus no Alcorão
 
  Tour Virtual
  Vídeos
  Recitação do Alcorão
  Papéis de Parede
  Proteções de Tela
  Recitação de Súplicas
 
 

cadastre-se para receber
os Informativos.


Email:

 
 

 

 

 

 

 

"AS SAJDA"

(A PROSTRAÇÃO)


Revelada em Makka; 30 versículos, com exceção dos versículos 16 a 20, que foram revelados em Madina.

32a SURATA

Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso.

Alef, Lam, Mim(1223).


Esta é a revelação do Livro indubitável(1224), que emana do Senhor do Universo.


Ou dizem: ele o (Alcorão) tem forjado! Qual! É a verdade do teu Senhor, para que admoestes (com ele) um povo, ao qual antes de ti não chegou admoestador algum, para que se encaminhe.


Foi Deus Quem criou, em seis dias(1225), os céus e a terra, e tudo quanto há entre ambos; logo assumiu o Trono. Não tendes, além d’Ele, protetor, nem intercessor algum. Não meditais?


Ele rege todos os assuntos, desde o céu até à terra(1226); logo (tudo) ascenderá a Ele, em um dia cuja duração será de mil anos, de vosso cômputo.


Tal é (Deus), Conhecer do cognoscível e do incognoscível, o Poderoso, o Misericordiosíssimo,


Que aperfeiçoou tudo o que criou e iniciou a criação do primeiro homem, de barro(1227).


Então, formou-lhe uma prole da essência de sêmen sutil(1228).


Depois o modelou; então, alentou-o com Seu Espírito(1229). Dotou a todos vós da audição, da visão e das vísceras(1230). Quão pouco Lhe agradeceis!


Dizem (os incrédulos): Quando formos consumidos pela terra, seremos, acaso, renovados em uma nova criatura? Qual? Eles negam o comparecimento ante o seu Senhor!


Dize-lhes: O anjo da morte, que foi designado para vos guardar, recolher-vos-á, e logo retornareis ao vosso Senhor.


Ah, se pudesses ver os pecadores, cabisbaixos, ante o seu Senhor! (Exclamarão): Ó Senhor nosso, agora temos olhos para ver e ouvidos para ouvir! Faze-nos retornar ao mundo, que praticaremos o bem, porque agora estamos persuadidos!


E se quiséssemos, teríamos iluminado todo o ser,(1231) porém, a Minha sentença foi pronunciada; sabei que encherei o inferno com gênios e humanos, todos juntos.


(Ser-lhes-á dito): Sofrei, pois, por terdes esquecido o comparecimento neste vosso dia! Em verdade, vos esqueceremos. E sofrei o castigo, por toda a eternidade, pelo que cometestes!


Somente crêem nos Nossos versículos aqueles que, quando eles lhos são recitados, se prostram em adoração(1232) e celebram os louvores de seu Senhor, sem, contudo, se ensoberbecerem.


São aqueles, cujo corpos(1233) não relutam em se afastar dos leitos para invocarem seu Senhor com temor e esperança, e que fazem caridade daquilo com que os agraciamos.


Nenhuma alma caridosa sabe que deleite para os olhos lhe está reservado, em recompensa pelo que fez.


Poderá, acaso, aquiparar-se ao fiel o ímpio? Jamais se equipararão!


Quanto aos fiéis, que tiverem praticado o bem, terão por abrigo(1234) jardins de aconchego, por tudo quanto fizeram.


Por outra, os depravados terão por morada o fogo infernal. Cada vez que desejarem sair dali, serão ainda mais arraigados nele, e lhes será dito: Provai o tormento do fogo que desmentistes!


Em verdade, infligir-lhes-emos o castigo terreno, antes do castigo supremo, para que se arrependam.


E haverá alguém mais iníquo do que quem, ao ser exortado com os versículos do seu Senhor, logo os desdenha? Sabei que Nós puniremos os pecadores.


Já havíamos concedido o Livro(1235) a Moisés. Não vaciles, pois, quando ele chegar a ti(1236). E destinamo-lo como orientação para os israelitas.


E designamos líderes dentre eles, os quais encaminham(1237) os demais segundo a Nossa ordem, porque perseveraram e se persuadiram dos Nossos versículos.


Certamente teu Senhor julgará entre eles, no Dia da Ressurreição, quanto àquilo a respeito do quê divergiam


Acaso, Ele não lhes evidenciou quantas gerações anteriores à deles temos exterminado, apesar de caminharem sobre as suas (antigas) moradas(1238)? Certamente, nisto há sinais. Não ouvem, então(1239) ?


Não reparam em que conduzimos a água(1240) à terra erma, fazendo com isso, brotar as semeaduras de que se nutrem eles e o seu gado? Não vêem, acaso(1241)?


E perguntam: Quando chegará essa vitória, se estiverdes certos?


Responde-lhes: No dia da vitória de nada valerá a fé tardia dos incrédulos, nem serão tolerados.


Afasta-te, pois deles, e espera, porque eles também não perdem por esperar.

 


 

 

 
Jumada Athani de 1438





Acesse a versão Real Paper do Jornal Assiráj
Clique Aqui












 

 

 

inicial | artigos | notícias | contato


2007 Todos os Direitos Reservados - ibeipr.com.br ®
Desenvolvido por Fatcho