Quem Somos
  Nossa Opinião
  Cursos e Visitas
  Turismo Educacional
  Turismo Religioso
  Jornal Assiraj
  Loja Virtual
  Sermões de Sexta-Feira
 Baixe Revistas Grátis
  O Islã em Arquivos
  Livros Virtuais
  Baixe Livros Grátis
  Trabalhos Acadêmicos
 
  Islamismo
  Leia o Alcorão Sagrado
  Princípios Religiosos
  Práticas Religiosas
  Perguntas e Respostas
  Calendário Islâmico
  Aulas de Religião
  Horários das Orações
 
 
A PALESTINA NÃO É AQUI, NEM FICA EM ISRAEL
por: Salem Nasser
QUANDO SURGIU O TERRORISMO
por: José Farhat
 
  Jurisprudência
  A profecia e os profetas
  O Profeta Muhammad
  Os Imames
  Dia da Ressurreição
  Assuntos Sociais
  A Economia no Islã
  Espaço da Mulher
  Sites Recomendados
  Jesus no Alcorão
 
  Tour Virtual
  Vídeos
  Recitação do Alcorão
  Papéis de Parede
  Proteções de Tela
  Recitação de Súplicas
 
 

cadastre-se para receber
os Informativos.


Email:

 
 

 

 

 

 

 

REDE GLOBO OFENDE OS MUÇULMANOS

A comunidade islâmica brasileira entristeceu-se e ofendeu-se com mais um desrespeito à figura do nosso querido Profeta e Guia, o Mensageiro de Deus Muhammad ibn Abdallah, que a paz e as bênçãos divinas estejam sobre ele e sua Purificada Descendência. A Rede Globo de Televisão, num infeliz episódio do programa “A Diarista”, divulgou cenas em que denigre a imagem de Muhammad (s.a.a.a.s.) com piadas de extremo mau-gosto. Além disso, deturpou o comportamento e as crenças dos muçulmanos.

Entendemos que o humor e a graça são essenciais na vida humana. Viver com alegria e compartilhar momentos de descontração tornam nosso quotidiano mais leve e aprazível. Por outro lado, defendemos que isto deve ocorrer sem ofensa às culturas e às crenças dos cidadãos que integram a sociedade brasileira, diversa e acolhedora. Entendemos que deve haver um limite à ação humana, dada pelo respeito ao modo de ser e pensar dos indivíduos e, em especial, aos Profetas.

Defendemos o direito à expressão do pensamento, mas repudiamos o desrespeito, a difamação, o modo rasteiro e a falta de critérios na produção e divulgação de peças supostamente “artísticas”. A liberdade de expressão tem um limite, que é o respeito ao próximo. Infelizmente, neste episódio, a equipe de produção do seriado “A Diarista”, bem como a Rede de Televisão que a emprega, provocou grande mágoa entre os muçulmanos brasileiros. Seria de bom alvitre que tal emissora, humildemente, se retratasse.

 


 

 

 
Shaaban de 1438





Acesse a versão Real Paper do Jornal Assiráj
Clique Aqui












 

 

 

inicial | artigos | notícias | contato


2007 Todos os Direitos Reservados - ibeipr.com.br ®
Desenvolvido por Fatcho